Ministério da Saúde. Download aqui

Sumário

APRESENTAÇÃO 7
10 Procedimentos Comuns na Unidade de Internação Neonatal 11
10.1 Punção do calcanhar 11
10.2 Punção venosa 12
10.3 Punção arterial e cateterização percutânea 14
10.4 Cateter central de inserção periférica (PICC) 16
10.5 Cateterismo umbilical arterial e venoso 17
10.6 Exsanguineotransfusão 20
10.7 Intubação traqueal 24
10.8 Drenagem de tórax 27
10.9 Paracentese abdominal 30
Referências 31
11 Dor no Recém-Nascido 33
11.1 Manifestações orgânicas 33
11.2 Avaliação da dor 34
11.3 Indicações de analgesia 39
11.4 Analgesia não farmacológica 39
11.5 Analgesia farmacológica 41
11.6 Considerações finais 44
Referências 45
12 Administração de líquidos e eletrólitos 49
12.1 Quantidade hídrica corporal 49
12.2 Controle clínico e laboratorial da hidratação 51
12.3 Administração de líquidos e eletrólitos 52
Referências 57
13 Icterícia 59
13.1 Investigação da etiologia 60
13.2 Avaliação clínica 62
13.3 Determinação da bilirrubina 62
13.4 Hiperbilirrubinemia indireta em RN com idade gestacional igual ou superior a
35 semanas 63
13.5 Hiperbilirrubinemia indireta em RN com idade gestacional menor ou igual a 34
semanas 66
13.6 Conduta terapêutica 67
13.7 Prognóstico 73
13.8 Prevenção de encefalopatia bilirrubínica 74
Referências 75
14 Sepse Neonatal Precoce 79
14.1 Diagnóstico 79
14.2 Tratamento 89
Referências 92
15 Sífilis Congênita 95
15.1 Quadro clínico e diagnóstico materno 96
15.2 Transmissão vertical da sífilis 98
15.3 Quadro clínico e diagnóstico no RN 99
15.4 Tratamento do RN 103
15.5 Prevenção da sífilis congênita 105
Referências 107
16 Toxoplasmose Congênita 109
16.1 Quadro clínico 110
16.2 Exames complementares 111
16.3 Tratamento 117
16.4 Acompanhamento do RN com infecção suspeita ou confirmada 119
16.5 Prevenção 121
Referências 122
17 Infecção pelo Citomegalovírus 125
17.1 Técnicas laboratoriais para diagnóstico 125
17.2 Diagnóstico materno e triagem pré-natal 126
17.3 Infecção congênita – características clínicas e epidemiológicas 127
17.4 Infecção perinatal – características clínicas e epidemiológicas 128
17.5 Critérios para definição do diagnóstico de infecção congênita e perinatal 128
17.6 Avaliação e definição de caso sintomático de infecção congênita 129
17.7 Indicações do uso dos antivirais para tratamento da infecção congênita ou perinatal 130
17.8 Prevenção 132
Referências 134
18 Infecção pelo Vírus da Hepatite B 137
18.1 Transmissão vertical do VHB 137
18.2 Identificação e manejo da gestante infectada pelo VHB 138
18.3 Prevenção da transmissão mãe-filho 139
Referências 142
19 Infecção pelo Vírus da Hepatite C 145
19.1 Transmissão vertical 145
19.2 Cuidados com o RN de mães soropositivas para VHC 146
19.3 Diagnóstico da infecção materna e perinatal 146
19.4 Acompanhamento dos RN expostos ao VHC no período perinatal 147
19.5 Quadro clínico e evolução: infecção persistente pelo VHC e clareamento viral 148
19.6 Prevenção da transmissão perinatal 149
Referências 150
20 Abordagem do Recém-Nascido de Mãe Soropositiva para o Vírus da Imunodeficiência Humana (Hiv) 153
20.1 Cuidados com o RN 154
20.2 Notificação 161
Referências 162
Ficha Técnica dos Autores 163